Redes Sociais:

RSS:

Rádio Vaticano

A voz do Papa e da Igreja em diálogo com o mundo

outras línguas:
Radio Vaticano

Home / Igreja

O espírito de curiosidade afasta-nos da sabedoria e da paz de Deus – o Papa na missa desta quinta-feira


O espírito de curiosidade gera confusão e afasta-nos do Espírito de sabedoria que, pelo contrário, nos dá paz. Na sua homilia na missa desta quinta-feira na Casa de Santa Marta o Papa Francisco comentou a Primeira Leitura do Livro da Sabedoria onde se descreve o estado de alma do homem e da mulher espiritual:

Isto é caminhar na vida com este espírito: o espírito de Deus, que nos ajuda a julgar, a tomar decisões segundo o coração de Deus. E este espírito dá-nos paz, sempre! É o espírito de paz, o espírito de amor, o espírito de fraternidade. E a santidade é isto mesmo. Aquilo que Deus pede a Abraão – ‘Caminha na minha presença e sê irrepreensível – é isto: esta paz.

Os fariseus perguntaram a Jesus: Quando virá o Reino de Deus? Curiosos! Queriam conhecer a data, o dia...O espírito de curiosidade afasta-nos do Espírito da sabedoria, porque apenas interessam os detalhes, as notícias, as pequenas notícias de cada dia. O espírito de curiosidade não é um bom espírito: é o espírito de dispersão, de afastar-se de Deus, o espírito de falar demais. E Jesus diz-nos ainda uma coisa interessante: este espírito de curiosidade, que é mundano, leva-nos à confusão.”


A curiosidade leva-nos a querer ouvir que o Senhor está aqui e ali – continuou o Papa Francisco – e mesmo a tentar saber de videntes que, se calhar, ... “recebem cartas da Nossa Senhora...” O Santo Padre deixou claro que a Nossa Senhora “é Mãe e ama-nos a todos não é, com certeza, o chefe da estação dos correios para enviar mensagens todos os dias”. Este tipo de atitude de curiosidade e de novidade afasta-nos de Deus – considerou o Papa que afirmou ainda que o Reino de Deus não vem na confusão nem na curiosidade mundana:

O Reino de Deus está no meio de nós: não procurar coisas estranhas, não procurar novidades com esta curiosidade mundana. Deixemos que o Espírito nos leve em frente, com aquela sabedoria que é uma suave brisa. Esta é o Espírito do Reino de Deus, de que nos fala Jesus. Assim seja”. (RS)