Navegar Acessar menu principal

Redes Sociais:

RSS:

Rádio Vaticano

A voz do Papa e da Igreja em diálogo com o mundo

outras línguas:

Justiça e Paz

D. Luiz F. Lisboa (D) e outros Bispos de Moçambique

D. Luiz F. Lisboa (D) e outros Bispos de Moçambique

D. Luiz F. Lisboa: “ninguém pode dizer-se cristão se não busca a paz”

18/10/2017 11:07

Dom Luiz Fernando Lisboa, é Bispo da Diocese de Pemba, Moçambique, e Presidente da Comissão de Justiça e Paz da Conferência Episcopal. Numa recente entrevista à Rádio Vaticano, falou das actividades da Comissão e os eventos que abalaram a sua diocese nos últimos tempos

D. Luiz Fernando Lisboa

D. Luiz Fernando Lisboa

D. Luiz F. Lisboa: paz em Moçambique, entre luzes e sombras

16/10/2017 15:00

D. Luiz Fernando Lisboa, Bispo de Pemba e Presidente da Comissão de Justiça e Paz da Conferência Episcopal de Moçambique (CEM), falou em entrevista à Rádio Vaticano do difícil processo de paz no País e da corrupção, que definiu de “tirar o pão da boca das crianças”

Bispos da CEAST reunidos

Bispos da CEAST reunidos

Angola: juventude e os 50 anos da CEAST na agenda da Plenária dos Bispos

14/10/2017 11:16

A aprovação dos Estatutos reformados da Conferência Episcopal de Angola e São Tomé (CEAST) e da Comissão de Justiça e Paz, e a mensagem do primeiro ano do triénio virado à juventude, constam da agenda dos trabalhos da CEAST, reunida em Luanda para a 2ª Assembleia Anual

Papa Francisco na Audiência geral desta quarta-feira

Papa Francisco na Audiência geral desta quarta-feira

Bispos do Canadá: Papa Francisco interpela a Igreja no País

05/09/2015 12:04

“Uma Igreja em busca de justiça – Papa Francisco interpela a Igreja no Canadá”: título do documento publicado pela Comissão Episcopal de Justiça e Paz canadense, no qual se recorda que o ensinamento social católico é um dos pontos-chave do Pontificado

 

Migrantes na fronteira entre a Grécia e a Macedónia

Migrantes na fronteira entre a Grécia e a Macedónia

Portugal: Plataforma de Apoio aos Refugiados

04/09/2015 09:39

A PAR foi criada em Portugal através da iniciativa de instituições como a Cáritas, a Comissão Nacional Justiça e Paz e o Serviço Jesuíta aos Refugiados, com o objetivo de minimizar a atual crise humanitária