Ler o artigo Acessar menu principal

Redes Sociais:

RSS:

Rádio Vaticano

A voz do Papa e da Igreja em diálogo com o mundo

outras línguas:

Vaticano \ Atividades

Faleceu o Card. Carlo Caffarra, Arcebispo Emérito de Bolonha

Papa Francisco e o Cardeal Carlo Caffarra - ANSA

06/09/2017 16:23

Faleceu o arcebispo emérito de Bolonha, o Cardeal Carlo Caffarra. Tinha 79 anos e guiou a arquidiocese da capital da Emilia-Romagna de 2004 até fins de outubro de 2015. Estava doente há algum tempo.

O Purpurado tinha nascido a 1 de junho de 1938 em Samboseto di Busseto, na província de Parma. Ordenado sacerdote aos 2 de julho de 1961, conseguiu o Doutorado em Direito Canónico na Pontifícia Universidade Gregoriana e o Diploma de Especialização em Teologia Moral na Pontifícia Academia Alfonsiana.

Retornando à diocese, foi vice pároco na paróquia da Catedral de Fidenza, iniciando ao mesmo tempo de ensinar Teologia Moral nos Seminários de Parma e Fidenza. Em seguida, tornou-se professor de Teologia Moral fundamental na Faculdade de Teologia do Norte da Itália em Milão e no Departamento de Ciências Religiosas da Universidade Católica do Sagrado Coração de Milão. Foi fundamental para a sua vida o encontro com Dom  Luigi Giussani; teve também uma profunda amizade com Padre Divo Barsotti, místico e teólogo.

Nos anos setenta, período da grande discussão após a publicação da Encíclica Humanae Vitae, o Cardeal Caffarra começa a aprofundar os temas do matrimónio, da família e da procriação familiar, para responder aos pedidos de muitos casais de esposos e namorados desejosos de conhecer a visão cristã do matrimónio. Ensinou Ética médica na Faculdade de Medicina e Cirurgia da Universidade Católica do Sagrado Coração em Roma e, em agosto de 1974, foi nomeado Membro da Comissão Teológica Internacional pelo Papa Paulo VI. Como Representante da Santa Sé, participou no Primeiro Congresso Mundial sobre a esterilidade humana e a procriação artificial, que teve lugar em Veneza, em setembro de 1978, na Fundação Cini.

Em 1980, João Paulo II nomeou-o Perito no Sínodo dos Bispos sobre o Matrimónio e a Família, e em janeiro de 1981 conferiu-lhe o mandato de fundar e presidir o Pontifício Instituto "João Paulo II" para Estudos sobre Matrimónio e Família.

Aos 8 de setembro de 1995 foi nomeado arcebispo de Ferrara-Comacchio, recebendo a ordenação episcopal na Catedral de Fidenza em 21 de outubro do mesmo ano. Aos 16 de dezembro de 2003, João Paulo II nomeou-o arcebispo metropolita de Bolonha.

Foi criado Cardeal no Consistório de 24 de março de 2006, por Bento XVI, com o Título de São João Batista dos Florentinos.

O Card. Caffarra foi consultor da Congregação para a Doutrina da Fé e também foi membro da Comissão de estudo para a engenharia genética instituída ad actum no Ministério da Saúde da Itália. Sobre os temas da família, ele realizou cursos ou lições em várias Universidades estrangeiras e foi autor de numerosos volumes de Teologia Moral fundamental e de muitos artigos, traduzidos nas línguas principais.

Com a morte do Card. Caffarra, o Colégio Cardinalício fica composto por 221 Cardeais, dos quais 120 eleitores e 101 não eleitores.

(BS)

06/09/2017 16:23