Ler o artigo Acessar menu principal

Redes Sociais:

RSS:

Rádio Vaticano

A voz do Papa e da Igreja em diálogo com o mundo

outras línguas:

Atualidade \ África

Cabo Verde quer “qualidade” na sua presidência da CPLP

A Secretária Executiva da CPLP, Maria do Carmo Silveira, e o Ministro dos Negócios Estrangeiros e das Comunidades de Cabo Verde, Luís Filipe Tavares - RV

09/08/2017 12:15

Cabo Verde quer “qualidade” na sua próxima presidência da CPLP. O objetivo foi sublinhado no passado dia 4 em Lisboa no final de uma audiência entre a secretária executiva daquela organização e o chefe da diplomacia cabo-verdiana

O Ministro dos Negócios Estrangeiros e das Comunidades de Cabo Verde, Luís Filipe Tavares, espera que esta presidência, prevista para 2018-2020, possa ter “uma componente cultural muito forte”, e aposte “nas questões da mobilidade, da cidadania e na promoção da língua portuguesa”.

Em cima da mesa estiveram também as próximas eleições em Angola previstas para 23 deste mês.

Maria do Carmo Silveira, secretária executiva da Comunidade de Países de Língua Portuguesa confirmou que a organização se prepara para enviar uma missão de observadores às eleições angolanas que será chefiada pelo ex-Presidente da República de São Tomé e Príncipe, Miguel Trovoada.

Por sua vez o chefe da diplomacia de Cabo Verde disse esperar que as eleições angolanas decorram “num clima de paz”, e “num ambiente cada mais democrático, de liberdade”.

De Lisboa, Domingos Pinto: 

 

09/08/2017 12:15