Ler o artigo Acessar menu principal

Redes Sociais:

RSS:

App:

Rádio Vaticano

A voz do Papa e da Igreja em diálogo com o mundo

outras línguas:

Igreja \ África

Angola. Abortos entre jovens preocupam Arcebispo de Saurimo

Arcebispo Dom José Manuel Imbamba - RV

13/01/2017 15:30

Dom José Manuel Imbamba, arcebispo de Saurimo (Lunda Sul, Angola) voltou a denunciar os jovens, pais e encarregados de educação que promovem e praticam o aborto.

A cooperação formal para um aborto constitui uma falta grave. A Igreja Católica sanciona com uma pena canônica de excomunhão este delito contra a vida humana. "Quem provoca aborto, seguindo-se o efeito, incorre em excomunhão.

Com isso, a Igreja não quer restringir o campo da misericórdia. Manifesta, sim, a gravidade do crime cometido, o prejuízo irreparável causado ao 'inocente morto’, a seus pais e a toda a sociedade.

O prelado preocupado com a situação disse que este mal é um crime e pecado grave contra Deus.

A luz da legislação angolana, o aborto é um acto punível por Lei, com uma pena de prisão maior que varia dos 2 aos 8 anos, quando efectivado por motivos cientificamente não justificáveis. 

De Luanda para a Rádio Vaticano, Anastácio Sasembele, Paz e Bem.

13/01/2017 15:30