Ler o artigo Acessar menu principal

Redes Sociais:

RSS:

App:

Rádio Vaticano

A voz do Papa e da Igreja em diálogo com o mundo

outras línguas:

Atualidade \ Américas

12ª edição do Fórum Social Mundial em Quebeque, Canadá

A Rede comboniana no Fórum Social Mundial - RV

10/08/2016 12:55

"Um outro mundo é necessário. Juntos torna-se possível". É este o lema da 12ª edição do Fórum Social Mundial, que reúne de 9 a 14 deste mês de agosto na cidade canadiana do Quebeque, uns 1200 grupos e organizações da sociedade civil do mundo inteiro. Vão trocar ideias e informações sobre as diversas problemáticas que afligem o mundo de hoje - ambiente, migrações, desigualdades económicas, injustiças, etc. - e esboçar soluções e vias para levar os políticos a tomá-las em  consideração ao decidir dos destinos do mundo.

Desta vez estas problemáticas todas são debatidas num país do norte do mundo, com grandes responsabilidades nas dificuldades que se vivem nos chamados países em vias de desenvolvimento, explica o P. Arlindo Pinto, da “Comboni Network”, uma das numerosos organizações presentes no encontro e que vão estar empenhadas em cerca de 1300 as actividades, inclusive culturais para além de 22 grandes conferências temáticas.

Em entrevista à nossa Emissora na véspera da partida para o Canadá, o P. Arlindo (Coordenador do sector Justiça e Paz a nível da Congregação Comboniana) falou dos frutos obtidos até hoje graças às acções do FSM, como por exemplo a notícia destes dias de que se renunciou ao projecto de construção da barragem hidroeléctrico Bel Monte no Rio Xingu, no Brasil. Mas ele vai para o Fórum consciente de que trabalhar para um mundo melhor requer paciência e trabalho de união.  Mas as organizações todas, não só cristãs sentem-se encorajados neste esforço pelos pronunciamentos do Papa Francisco, sempre preocupado com os pobres e as periferias. De qualquer maneira é cada vez mais forte - diz - a consciência de que uma maior união é necessário para as transformações sociais de que o mundo necessita para garantir uma vida digna a cada ser humano. 

Oiça aqui as suas palavras:

(DA)

10/08/2016 12:55